♦ Hotel Carl Gustaf chega a Saint-Barth

Com assinatura Barrière, hotel é a novidade de 2021 na badalada ilha do Caribe

Texto: Promonde

A pequenina Saint-Barth tem uma constelação de hotéis, a maior concentração de hotéis de luxo por quilômetro quadrado das Américas.  Mas o recém-reaberto Carl Gustaf, agora com a bandeira francesa Barrière (do Majestic de Cannes, do Fouquet’s de Paris), é a única opção de hospedagem na capital da ilha, Gustavia.

Ou seja, está a poucos passos do Bonito e do Isola, os restaurantes mais concorridos da ilha; da Rue de la République, onde estão todas as marcas internacionais, da Hermès à Prada, passando por Bulgari e Dolce & Gabbana; da loja Ligne Saint-Barth, uma instituição que produz os bronzeadores mais cobiçados entre as jet setters europeias; e de bares que fizeram a história da ilha, como o Le Select.

Não só. O restaurante do hotel, que leva o nome Fouquet’s Saint-Barth, é assinado pelo chef francês triestrelado Pierre Gagnaire, e o Carl Gustaf comprou o Shellona, o beach club que fica em Shell Beach, a praia de onde se tem o pôr do sol mais lindo da ilha, a apenas 200 metros do hotel. No Shellona, que serve comida mediterrânea com toques caribenhos, quem comanda as caçarolas é o chef grego Yannis Kioroglu.

Com 23 quartos e suítes elegantemente decorados, localizados no alto de uma colina com rica vegetação e belas vistas panorâmicas, o Carl Gustaf conta ainda com um bar, um spa e uma academia.

SITE: https://www.hotelsbarriere.com/pt/saint-barth/le-carl-gustaf.html

Publicado por

Paulo Mancha

Jornalista especializado em turismo, foi editor chefe da Revista Viajar pelo Mundo e repórter das revistas Terra e Próxima Viagem. Desde 2003, fez mais de 50 reportagens internacionais e, em 2012 e 2014, foi agraciado com o Prêmio de Melhor Reportagem da Comissão Europeia de Turismo. Comentarista esportivo do canal ESPN, Paulo decidiu unir neste blog as duas paixões: viagens e esportes.